quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

FINAIS DA COPA DIFUSÃO DE BASQUETE



As finais da COPA DIFUSÃO DE BASQUETE 2017, categorias sub 10 e sub 12 masculino e sub 12, sub 13  e sub 15 feminino, aconteceram nesse ultimo domingo na cidade São José do Rio Pardo, no Rio Pardo Futebol Clube. foram 12 jogos que definiram os campeões de cada categoria. Abaixo os resultados:

SEDE ÚNICA – RIO PARDO F.C. - São José do Rio Pardo

Jogo 1 – 08:00 – Casa Branca 35 X 06 Rio Pardo F.C.Sub-10 masculino
Jogo 2 – 08:45 – AAR 25 X 16 Descalvado – Sub-10 masculino

Jogo 3 – 09:45 – Rio Pardo F.C. 16 X 13 Descalvado – Sub-12 Masculino
Jogo 4 – 10:15 – A.A.R 16 X 10 Porto Ferreira – Sub-12 Masculino
Jogo 5 – 11:00 – A.A. Caldense 08 X 36 Casa Branca – Sub-12 Masculino
Jogo 6 – 11:45 – Basketball Santa Cruz 21 X 30 Machado – Sub-12 Masculino
Jogo 7 – 12:30 –  Rio Pardo FC 13 X 24 Arceburgo  – Sub-12 Masculino

Jogo 8 – 13:30 – A.A. Caldense 23 X 08 Arceburgo  – Sub-12 Feminino
 Jogo 9 – 14:15 - Mococa 18 X 07 Rio Pardo F.C. – Sub-12 Feminino

Jogo 10 – 15:00 – Basketball Santa Cruz 10 X 20 A.A. Caldense – Sub-13 Feminino
Jogo 11 – 15:45 – Rio Pardo F.C. 11 X 14 Arceburgo – Sub-13 Feminino

Jogo 12 – 16:15 – Rio Pardo F.C. 23 X 10 A.A. Caldense – Sub-15 Feminino

No sub 10 campeão foi AAR e vice foi Descalvado

Sub 12 Campeão Casa Branca e vice Machado

sub 12 feminino campeão AA Caldense vice Arceburgo

Sub 13 feminino campeã Arceburgo vice Santa Cruz das Palmeiras

sub 15 feminino campeã Rio Pardo FC e vice AA Caldensse

Com essa rodada, finalizamos o campeonato que teve um sucesso totoal e aprovação de todos os participantes. Para o ano de 2018 com certeza iremos melhorar e inovar cada vez mais, disse o técnico Hebinho de Souza um dos organizadores do Copa Difusão.








sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

FINAIS DA COPINHA SÃO JOSÉ DE MINI BASQUETE NO RIO PARDO FC


Aconteceu no dia 30 de novembro, as finais da COPINHA SÃO JOSÉ DE MINI BASQUETE, foram 6 jogos de muitas emoções para as crianças que representaram 4 equipe da NBA. em dois dos jogos foram definidos apenas na prorrogação:
Os resultados foram:

1. PELICANS 05 X 07 BULLS
2. GOLDEN STATE 04 X 09 SPURS
3. PELICANS 04 X 08 GOLDEN STATE 
4. BULLS 04 X 06 SPURS
5. BULLS 05 X 03 GOLDEN STATE
6. PELICANS 04 X 05 SPURS

CAMPEÃO: SPURS
VICE CAMPEÃO: BULLS
TERCEIRO: GOLDE STATE
QUARTO: PELICANS

Os alunos fazem parte das escolinhas de basquete do Rio Pardo FC e da escola Stella Maris / DEc. O professor das turmas e Hebinho de Souza que ministra aulas nos dois núcleos de basquete.  

CAMPO MOURÃO VENCE SOROCABA FORA DE CASA

Superior no segundo tempo, Campo Mourão supera Liga Sorocabana fora de casa e encerra jejum de 4 jogos sem vencer no NBB CAIXA


Greg, cestinha do jogo com 17 pontos.
Foram quatro jogos sem sentir o gosto da vitória no NBB CAIXA. Mas nesta quinta-feira, enfim, o Campo Mourão Basquete retomou o rumo positivo na competição. Em pleno Ginásio Gualberto Moreira, o representante paranaense foi superior no segundo tempo e levou a melhor sobre a LSB/Uniso, em duelo bastante acirrado, pelo placar de 68 a 63.
O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.
Os caras: Para sair de quadra com o excelente triunfo fora de casa, o time mourãoense contou com atuação decisiva do armador norte-americano Greg Brown, cestinha da partida, com 17 pontos, além de cinco rebotes, quatro assistências e cinco roubos de bola. Quem também contribuiu bem para o resultado foi o ala/pivô César, ex-Liga Sorocabana, autor de 12 pontos, sendo nove deles no último quarto, e o armador Hélio, com 11 pontos.
Põe na conta: Ao se reencontrar com as vitórias, o Campo Mourão somou seu segundo triunfo em seis partidas no NBB CAIXA (30% de aproveitamento) e entrou no grupo dos 12 primeiros colocados que irão aos playoffs. Já a Liga Sorocabana tem o mesmo número de vitórias, mas com um jogo a menos, o que os deixa com 40% de aproveitamento e cravado na décima posição.
Fala aí: “Em um jogo de basquete nós vamos jogar bem em um momento, e em outro eles vão. É normal, é um campeonato equilibrado. Precisamos manter o foco no jogo e não deixar fatores externos, como a torcida adversária, quebrar nosso ritmo. Foi um grande jogo, precisávamos muito dessa vitória. Sabemos que não temos torcida quando jogamos fora de casa, por isso procuramos nos unir e vem dando certo”, disse Greg Brown.
Lutaram: Pelo lado da Liga Sorocabana, que sofreu sua terceira derrota seguida, os destaques ficaram por conta do ala norte-americano Anton Cook, autor de 13 pontos, e dos pivôs Mineiro, com dez pontos e nove rebotes, e Lucão, que saiu do banco para ser o atleta mais eficiente da partida, com sete pontos e 14 rebotes (seis deles ofensivos), números que lhe renderam 17 de valorização.
Fala aí: “Não tínhamos perdido em casa ainda, a torcida vem apoiando a gente bastante. Começamos o jogo muito mal, mas conseguimos melhorar nossa defesa e buscamos uma desvantagem bem grande. Tivemos um bom momento no terceiro quarto, mas não conseguimos segurar. Eles abriram agora no final e isso fez a diferença”, comentou Lucão, da Liga Sorocabana.
 Cinco minutos: O Campo Mourão abriu o duelo de maneira avassaladora. Nos cinco primeiros minutos, a equipe visitante acertou quatro bolas de 3 pontos (Jamail, Mathias, Greg Brown e Hélio) e emplacou uma incrível corrida de 18 a 4. Neste curto espaço de tempo, Brown foi responsável por sete pontos e três assistências.
Recuperação: A recuperação da Liga Sorocabana teve início ainda no primeiro quarto, em que acordou a tempo de aliviar o prejuízo. Com forte pegada defensiva, dobras e muita pressão, o time da casa foi crescendo pouco a pouco na partida e usou a pontaria certeira nos tiros de 3 pontos de Crescenzi e Jackson para se reerguer no duelo e baixar a desvantagem para cinco pontos ao final da parcial inicial (24 a 19).
Virada: Empurrado por sua calorosa torcida, que já se encontrava em êxtase com a reação, a equipe do técnico Rinaldo Rodrigues contou com forte presença de seus pivôs Mineiro e Lucão para chegar no placar de vez no segundo período. Os donos da casa chegaram a empatar a partida na metade da parcial (29 a 29), mas viram os mourãoenses segurarem a vantagem até o minuto final. A virada veio somente a 17 segundos do estouro do cronômetro através com bola embaixo de Mineiro, que deixou os sorocabanos à frente no placar pela primeira vez no duelo: 36 a 35.
Vantagem decisiva: Diante de um terceiro quarto bastante acirrado, em que nenhuma das equipes conseguia se firmar na liderança do placar, o Campo Mourão abriu seis pontos de frente com bola de 3 pontos de Greg Brown a três segundos para o final da parcial. Com isso, a equipe do técnico Emerson de Souza criou uma “gordura” extremamente considerável para os dez minutos finais (52 a 46).
Deu Campo: Com a vantagem nas mãos, o representante do Paraná teve o trabalho de segurar as investidas da equipe da casa e administrar a diferença favorável no placar. E conseguiu. Com dez pontos do ala/pivô César, que estava na Liga Sorocabana até antes do NBB CAIXA começar, o Campo Mourão manteve a margem entre quatro e oito pontos até o final, sempre jogando vários “baldes de água fria” nas reações sorocabanas. Assim, o time da Região Sul fechou o duelo com placar de 68 a 63 a seu favor e se reencontrou com a vitória após quatro derrotas seguidas.
E agora: Depois de se reencontrar com a vitória, o Campo Mourão seguirá na estrada e voltará à quadra neste sábado (02/12) para enfrentar o Mogi das Cruzes/Helbor, no Ginásio Hugo Ramos, às 19 horas, com transmissão ao vivo dos canais SporTV. Já na segunda-feira (04/12), a Liga Sorocabana medirá forças com o Banrisul/Caxias do Sul Basquete, no Ginásio Vasco da Gama, na serra gaúcha, também ao vivo no Canal Campeão.

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

CAMPO MOURÃO VAI A SOROCABA ENFRENTAR A LIGA SOROCABANA

Reencontro, sequências negativas e duplas afiadas: confira os 10 principais fatos do duelo desta quinta-feira entre Liga Sorocabana e Campo Mourão, ao vivo no SporTV

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e texto
LSB/Uniso e Campo Mourão Basquete estarão frente a frente na noite desta quinta-feira (30/11), no Ginásio Gualberto Moreira, em Sorocaba (SP), com transmissão ao vivo dos canais SporTV. Em jogo estará o reencontro com a vitória, já que as duas equipes amargam sequências negativas no NBB CAIXA. Esses e outros fatos estarão detalhados nessa publicação. Confira!
O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.
Já voltaram?
O Campo Mourão conta com dois atletas em seu elenco com passagem pela Liga Sorocabana: o ala norte-americano Chris Gradnigo e o ala/pivô César, que chegaram a ser apresentados no elenco da Cavalaria para a atual temporada, mas acabaram se transferindo para o clube paranaense. Ambos os atletas tiveram uma outra passagem pelo time sorocabano em suas carreiras – o gringo em 2015/2016 e César em 2011/2012.
Ambos em jejum
Tanto Liga Sorocabana quanto Campo Mourão iniciaram o NBB CAIXA com resultados empolgantes, mas vêm de sequências negativas. O time do interior paulista venceu seus dois primeiros jogos na competição, contra Solar Cearense e Universo/Vitória, mas perdeu para Vasco da Gama e Botafogo e teve sua boa maré interrompida. Já os mourãoenses abriram a competição batendo o Sesi Franca em pleno Pedrocão, mas acabou derrotado nos quatro duelos seguintes, para Bauru, Minas, Flamengo e Caxias.
Invicto em casa
Apesar de vir de dois resultados negativos, a Liga Sorocabana está invicta atuando no Ginásio Gualberto Moreira na atual temporada do NBB CAIXA, com duas vitórias em duas partidas, contra Basquete Cearense e Vitória. Já o Campo Mourão conquistou seu único triunfo no campeonato fora de casa, diante do Franca, no Pedrocão.
Double trouble #1
O Campo Mourão vem sendo liderado por sua dupla de armadores Greg Brown e Hélio, os mais eficientes da equipe. O norte-americano é responsável por 17,0 pontos e 4,6 assistências por partida (14,2 de eficiência), enquanto o experiente registra em média 15,8 pontos e 4,0 servidas por duelo (17,0 de eficiência).
Double trouble #2
Do outro lado, a Liga Sorocabana também conta com uma dupla bastante ativa como destaque ofensivo: o ala Anton Cook, que é o quinto maior cestinha deste NBB CAIXA, com média de 17,5 pontos por jogo, o ala/armador Kevin Crescenzi, responsável por 15,0 pontos por partida, com 47,6% de aproveitamento nas bolas de 3 pontos (2,5/5,3).
Sangue brasileiro
Por falar nele, Crescenzi é uma das grandes sensações da atual temporada do NBB CAIXA. Nascido em Nova Jersey (EUA), o ala/armador da LSB é filho de uma paulista e tem passaporte brasileiro. Inclusive, o atleta foi inscrito no NBB CAIXA como brasileiro e de quebra pode até ser convocado para a nossa Seleção. Nas duas primeiras vitórias de sua equipe no campeonato, Kevin Freitas Crescenzi registrou 24 e 22 pontos, respectivamente e foi eleito o Dono da Bola da primeira semana da competição.
Aqui não!
O garrafão do Campo Mourão vem sendo muito bem dominado por Thiago Mathias. Reboteiro da equipe, com média de 6,4 por partida, o pivô de 28 anos ainda é o líder em tocos de todo o NBB CAIXA 2017/2018, com média de 1,6 por jogo. Somado a uma média de 5,6 pontos, o jogador acumula 11,0 de eficiência por partida. Abaixo estão alguns lances do atleta.
Uma para cada
Liga Sorocabana e Campo Mourão se enfrentaram somente duas vezes na história. Foi na fase de classificação da temporada passada e ambos os duelos foram vencidos pelo visitante. No primeiro turno, no interior do Paraná, a equipe do técnico Rinaldo Rodrigues levou a melhor por 78 a 73. Já no returno, em Sorocaba, os mourãoenses venceram por 74 a 64.
Primeiros passos
Um dos reforços do Campo Mourão para a nova temporada, o ala norte-americano Jamail Jones fez dez pontos ou mais em três dos quatro jogos que disputou neste NBB CAIXA – média de 10,3 pontos por partida. O jogador atuou por quatro anos na renomada Universidade de Marquette (NCAA), onde atuou ao lado de dois astros da NBA, Jimmy Buttler (Minnesota Timberwolves) e Jae Crowder (Cleveland Cavaliers).
Experiente e eficiente
Aos 36 anos, o pivô William Drudi é o jogador mais experiente do elenco da Liga Sorocabana, mas vem mostrando que idade não é problema. Titular no garrafão ao lado do pivô Mineiro, o jogador nascido em São Paulo (SP) é o reboteiro da equipe, com 6,8 de média, além de anotar 10,8 pontos. Curiosamente, o atleta disputou a última Liga Ouro pelo Vasco da Gama e foi campeão em cima do Campo Mourão, adversário desta quinta-feira.

RIO PARDO FC SEDIA AS FINAIS DA COPA DIFUSÃO

Equipe Feminina sub 13 e sub 15 do Rio Pardo FC

A última rodada do festival da COPA DIFUSÃO DE BASQUETE acontece nesse domingo as 8hs no ginásio do Rio Pardo Fc com a realização de 12 jogos entre masculino e feminino. 
Programção:

Jogo 1 – 08:00 – Casa Branca X Rio Pardo F.C.Sub-10 masculino
Jogo 2 – 08:45 – AAR X Descalvado – Sub-10 masculino 
               Premiação
Pr
Jogo 3 – 09:45 – Rio Pardo F.C. X Descalvado – Sub-12 Masculino
Jogo 4 – 10:15 – A.A.R X Porto Ferreira – Sub-12 Masculino
Jogo 5 – 11:00 – A.A. Caldense X Casa Branca – Sub-12 Masculino
Jogo 6 – 11:45 – Basketball Santa Cruz X Machado – Sub-12 Masculino
Jogo 7 – 12:30 –  Rio Pardo FC X Arceburgo  – Sub-12 Masculino 
               Premiação

Jogo 8 – 13:30 – A.A. Caldense X Arceburgo  – Sub-12 Feminino
 Jogo 9 – 14:15 - Mococa X Rio Pardo F.C. – Sub-12 Feminino
Jogo 10 – 15:00 – Basketball Santa Cruz\Casa Branca X A.A. Caldense – Sub-13 Feminino
Jogo 11 – 15:45 – Rio Pardo F.C. X Arceburgo – Sub-13 Feminino
Jogo 12 – 16:15 – Rio Pardo F.C. X A.A. Caldense – Sub-15 Feminino
Premiação

A COPA DIFUSÃO de basquete é uma realização da equipes envolvidas no torneio e que para o ano de 2018, terá novo formato e mais equipes disputando os campeonatos. 



sábado, 25 de novembro de 2017

Caxias vence Campo Mourão Basquete no Clássico sulista


No Clássico do Sul no NBB a equipe do Caxias venceu Campo Mourão Basquete por 84 a 63. Os caxienses com um sistema coletivo intenso envolveram e dominaram os mourãoenses durante todo o jogo. Foi a primeira vitória do Caxias na história do clássico na Liga Nacional, as duas outras partidas foram vencidas pelo Campo Mourão Basquete no NBB9 .

O destaque da partida foi Alex Oliveira do Caxias que fez 19 pontos, conseguiu 3 rebotes e 2 assistências. Pelo lado Helio Lima de Campo Mourão fez 17 pontos e foi o cestinha dos mourãoenses.
A equipe do Campo Mourão realizará os dois próximos jogos fora de casa, contra a Liga Sorocabana dia 30 de novembro e o Mogi dia 02 de dezembro.


quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Campo Mourão Basquete e Caxias realizam maior clássico do sul do Brasil nesta quarta-feira



A equipe do Campo Mourão Basquete realiza nesta quarta-feira (22) o clássico do Sul do Brasil na atualidade contra o time do Caxias do Sul. O jogo acontecerá as 19h30min com transmissão ao vivo dos canais SporTV. Para esse jogo a Diretoria do Campo Mourão Basquete e a direção da empresa de Marketing Content promovem uma promoção. Na compra de um convite “inteira” ganha o direito de duas pessoas entrarem no ginásio.
Com apenas um mês de treinamento o time comandado pelo técnico Emerson de Souza busca a vitória diante da forte equipe gaúcha. Greg Brown e Helio Lima tem se destacado com média de 20 pontos por jogo, além de Thiago Mathias destaque com 9 rebotes de média nas partidas.
Após vitória na estréia contra Bauru a equipe de Caxias vem de derrota na prorrogação para a Franca, 86 a 80.


RIO PARDO FC VENCE PARAÍSO E FICO COM O BRONZE NA DIFUSÃO 2017


A equipe de basquete do RIO PARDO FC  comandada pelo técnico Hebinho de Souza, venceu São Sebastião do Paraíso por 73 a 50 e ficou com a terceiro colocação na COPA DIFUSÃO DE BASQUETE 2017. O jogo foi realizado no Ginásio do Clube alvinegro e contou com a presença de pais e amigos dos jogadores além da presença do presidente Marcelo Zanetti e Juninho coordenador de esportes do clube. Com essa vitória o clube fecha uma série de conquistas durante o ano de 2017. 
Ma categoria sub 17 o Rio Pardo FC foi campeão da Lidarp, no adulto ficou coma  quarta colocação e no sub 15 ficou com a medalha de bronze, todos esse resultados nos campeonatos da Lidaro (Liga Desportiva do Alto Rio Pardo). Na copa difusão o sub 18 ficou com a medalha de bronze, nas categorias menores e feminino, no dia 3 de dezembro no ginásio do Rio Pardo FC acontece o último festival que vai definir os campeões nessa categorias. 

Copa São José de Basquete
Entre os dias 20 e 29 de dezembro acontece o tradicional torneio de final de ano, a COPA SÃO JOSÉ DE BASKETBALL. Noa ano passado teve número recorde de participante, 7 equipe da região e 4 de São José. Devido ao grande interesse, a organização esse ano decidiu aumentar os números de dias para a realização dos jogos. Contatos devem ser feitos nos telefones (19) 99615 6300 com o coordenador Juninho.

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

ASTRO DA NBA ASSINA COM O SESI FRANCA BASQUETE



Oficialmente o ala armador Leandrinho Barbosa é do Sesi/Franca. O anúncio oficial foi feito nesta quinta-feira (17), pelo presiente do Sesi-SP e da Fiesp, Paulo Skaf. O jogador, que já foi o sexto homem da NBA, quando jogava pelo Phoenix Suns, será o primeiro brasileiro campeão da NBA a atuar no basquete brasileiro e em São Paulo.
O anúncio oficial foi feito pelo próprio Paulo Skaf, que fez questão de acompanhar Franca nos jogos finais do Campeonato Paulista. “Leandrinho é um ídolo do esporte brasileiro. Ele chega ao Sesi Franca Basquete para somar ainda mais e será um grande exemplo para nossos alunos”, afirmou Paulo Skaf, presidente do Sesi-SP e da Fiesp.
O ala/armador de 34 anos e 1,91 de altura tem uma carreira de sucesso no basquete mundial. Atuou pelo Flamengo durante seis jogos em 2011/2012 e pelo Pinheiros em oito oportunidades na temporada 2013/2014.
Na maior liga de basquete do planeta, defendeu Toronto Raptors, Indiana Pacers, Boston Celtics, Golden State Warriors - onde foi campeão em 2014/2015 - e esteve no Phoenix Suns na última edição do torneio.
Leandrinho, que está na fase final da sua recuperação, tem sua estreia com a camisa francana prevista para dezembro, no Ginásio Pedrocão. O primeiro jogo do paulistano, que começou a carreira no Continental, depois passando pelo Palmeiras e sendo campeão brasileiro por Bauru, antes de seguir para a NBA, poderá ser justamente contra Bauru, no dia 2 de dezembro. Ou talvez no dia 21, contra o Minas Tênis Clube. Os dois jogos serão em Franca.
“Estou muito feliz por fazer parte de uma equipe tradicional e vencedora como o Sesi Franca Basquete, dentro de um projeto tão sólido e estruturado como este, em parceria com o Sesi-SP. Vou fazer o meu melhor para ajudar o time e trazer alegrias para a fanática torcida francana”, declarou Leandrinho, que atuará com o número 19.
Outro jogador que poderá atuar na NBA e também já foi campeão da NBA é o pivô Anderson Varejão.

FONTE: fpb.com.br

EM JOGO ACIRRADO, CAMPO MOURÃO PERDE NO FINAL PARA O FLAMENGO

Greg no lance livre.

Campo Mourão luta até o fim, mas perde para o
pentacampeão Flamengo

A equipe do Campo Mourão Basquete perdeu na noite desta quinta-feira (16) para o pentacampeão Flamengo por 89 a 82. Um jogo muito disputado, chegando estar empatado em 73 pontos a cinco minutos do fim. O rubro-negro carioca contou com grandes atuações de Marquinhos e JP Batista para vencer os mourãoenses.
Campo Mourão fez uma grande partida contra o Flamengo, Greg Brown foi o cestinha do time, com 22 pontos e seis assistências. Helio Lima fez 20 pontos, cinco rebotes, cinco assistências.
Inicio de jogo

O técnico Emerson de Souza enalteceu o empenho dos atletas. “Esses jogadores são verdadeiros guerreiros, que apesar das derrotas tem se dedicado, treinado forte para realizar grandes jogos. Com apenas um mês de treinos conseguimos realizar boas partidas contra as principais equipes do Brasil. Tenho certeza que vamos fazer uma grande campanha com esse time e dar alegrias a nossa torcida”.
Técnico Emerson

Os destaques do Flamengo foram Marquinhos que fez 26 pontos, somente no ultimo quarto com nove pontos com bolas de três. JB Batista anotou 30 pontos, 15 rebotes e 37 de eficiência. O técnico do Flamengo José Neto destacou o grande jogo realizado no Belin Carolo. “ A equipe do Campo Mourão Basquete tem um grande projeto e esta de parabéns pelo trabalho que vem sendo realizado. Parabéns também a essa torcida que proporcionou um grande espetáculo hoje”.

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Sub 18 do Rio Pardo FC

A equipe sub 18 do Rio Pardo FC enfrenta a equipe de São Sebastião do Paraíso nesse sábado dia 18 de novembro no ginásio do Rio Pardo as 9hs. O jogo é válido pela decisão da medalha de bronze da Copa difusão de Basquete 2017. O clube optou em disputar esse campeonato que reúne equipes de São Paulo e Minas e vem crescendo a cada ano, e com valores de custa bem mais atrativos que os demais campeonatos regionais. Nesse ano foram 7 equipe que disputaram em turno e returno durante todo o ano. A final será entre as equipes de casa Branca e Santa Cruz das Palmeiras no dia 18/11 em Casa Branca.

14 de novembro de 2017 Por Liga Nacional de Basquete Compartilhe: Com quarto final arrasador e atuação gigante de Roquemore, Minas bate Campo Mourão fora de casa e mantém 100% no início do NBB CAIXA 17/18

Tiago do Campo mourão tenta a cesta.
O Minas Tênis Clube continua com a moral lá em cima no início do NBB CAIXA 17/18. Depois de bater o Vasco da Gama em sua estreia, nesta terça-feira (14/11), o time mineiro foi até o Paraná e venceu o Campo Mourão Basquete de maneira impactante, por 77 a 69, com uma atuação “assustadora” no último quarto, se mantendo com uma das equipes invictas na competição.
O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.
Sai da frente: Nove pontos atrás no placar no início do último quarto, o Minas reagiu de maneira expressiva. Com um ataque praticamente impecável, anotando 30 de 43 pontos tentados (69,8% de aproveitamento), o time mineiro bombardeou a defesa do Campo por todos os lados. Lá atrás, os visitantes conseguiram conter o ataque rival, sem ceder qualquer lance livre, sofrendo apenas 13 pontos, para chegar ao resultado positivo.
Põe na conta: Com o triunfo, o Minas mantém os 100% de aproveitamento no NBB CAIXA 17/18 e divide a liderança com Mogi das Cruzes/Helbor, LSB/Uniso e Sendi/Bauru Basket, equipes com campanha idêntica. Já o Campo Mourão chegou à sua segunda derrota, contra uma vitória, e neste momento é o sétimo colocado.
Tudo no meu nome: O cara do Minas na noite desta terça-feira, Evan Roquemore fez o que quis dentro das quatro linhas. Com apenas dois arremessos de quadra errados ao longo de toda partida, o ala/armador norte-americano converteu sete bolas de 3 pontos e deixou a quadra como cestinha absoluto do jogo, com 28 pontos anotados em 35 tentados (80,0% de aproveitamento), além de quatro rebotes e quatro roubos de bola.
Ajuda importante: Além da grande atuação do norte-americano, o Minas contou mais uma vez com um belo trabalho coletivo. A dupla de garrafão formada por Wesley e Teichmann esteve em sintonia, com 24 pontos (12 para cada) e 14 rebotes somados, enquanto Jefferson Campos, vindo do banco de reservas, contribuiu demais para o time, com 11 tentos anotados e seis assistências distribuídas.
Não deu: Apesar de mais uma derrota amarga, o Campo Mourão liderou grande parte da partida e se mostrou muito competitivo mais uma vez. Os principais destaques da equipe paranaense foram: Vinícius Pastor, cestinha do time, com 19 pontos; César, dono de 13 tentos e seis rebotes; e Márcio Dornelles, responsável por 11 pontos.
E agora? As duas equipes voltam a atuar nesta quinta-feira (16). Enquanto o Minas visita o Paulistano/Corpore, às 20 horas (de Brasília), com transmissão ao vivo do #NBBnoFacebook o Campo Mourão recebe o Flamengo, às 20h15 (de Brasília).
fonte: lnb.com.br

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

CAMPO MOURÃO PERDE DE 2 PONTOS PARA O ATUAL CAMPEÃO BRASILEIRO


O Sendi/Bauru Basket sofreu, mas conquistou mais um resultado positivo no NBB CAIXA 2017/2018. Nesta quarta-feira, no Ginásio Tonicão, em Lençóis Paulista (SP), os atuais campeões levaram um sufoco do aguerrido Campo Mourão Basquete, segurou a pressão nos momentos finais e saiu de quadra com uma suada vitória, pelo placar de 82 a 80.
O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.
Que sufoco: Tudo caminhava para uma sólida vitória da equipe bauruense, que chegou a ter 13 pontos de frente no último quarto (70 a 57). No entanto, o Campo Mourão reagiu com tudo e, quando o placar apontava 73 a 63 para o time da casa, aplicou uma corridaa de 11 a 2 para cortar a margem para um ponto (75 a 74) restando pouco menos de dois minutos para o fim. Apesar da pressão, o Dragão segurou a ponta do placar até o fim e garantiu o triunfo através da precisão nos lances livres nos segundos finais.
Top scorer again: A exemplo da estreia contra o Paulistano/Corpore, o armador norte-americano Kendall Anthony voltou a ser o cestinha da equipe bauruense. Com 17 pontos, o camisa 0 do Dragão registrou 3/5 nas bolas de 3 pontos e deu três assistências, números que fizeram dele o atleta mais eficiente do time, com 18 de valorização.
Fundamentais: Além de Kendall, o atual campeão do NBB CAIXA contou com ótimos desempenhos do capitão Alex Garcia, autor de 11 pontos, oito assistências e sete rebotes, do ala Duda Machado, que explodiu nas bolas de 3 pontos (4/7) e totalizou 16 pontos, do pivô Rafael Hettsheimeir, com 15 pontos, e do jovem ala Gabriel Jaú, que deixou a quadra com 12 pontos (4/5 nos arremessos de quadra).
Casa diferente: A partida foi realizada no Ginásio Tonicão, em Lençóis Paulista (SP), cidade localizada a pouco mais de 40 km de Bauru (SP), devido à perda de quatro mandos de quadra imposta pelo STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) ao Bauru Basket por conta de incidentes nas Finais do último NBB CAIXA. A equipe bauruense ainda tem mais duas partidas a cumprir, contra Flamengo (21/12) e Minas (23/12), que ainda não têm local definido.
Comandante 100%: Pelo segundo jogo consecutivo, o Bauru foi comandado pelo auxiliar técnico Hudson Previdelo, que substitui o comandante principal Demétrius Ferracciú, suspenso pelo STJD por incidentes no Jogo 3 das Finais do último NBB CAIXA contra o Paulistano/Corpore. O treinador ainda ficará mais um jogo suspenso e retornará somente contra o Joinville, no dia 17 de novembro.
Fala aí: “Essa edição do NBB, apesar de ainda estarmos na segunda rodada, vem mostrando um grande equilíbrio. Por isso, foi importante o time se defender bem e conseguir jogar diante de um adversário que exigiu muito e veio de uma vitória contra Franca, finalista do Paulista, fora de casa. Foi uma grande vitória e muito importante nessa reta inicial de temporada”, analisou Hudson Previdelo.

Põe na conta: Com o resultado, o Dragão segue com 100% de aproveitamento na décima edição do NBB CAIXA, agora com duas vitórias em dois jogos. Já o Campo Mourão, que havia vencido o Sesi Franca Basquete em pleno Pedrocão em sua estreia, sofreu seu primeiro revés na competição e agora tem 50% de aproveitamento.
Eles de novo: Assim como na vitória contra Franca, o Campo Mourão teve em na dupla de armadores Greg Brown e Hélio sua principal arma ofensiva na partida. O norte-americano registrou 20 pontos, enquanto que o brasileiro foi o cestinha do duelo, com 22 pontos. Ambos deram cinco assistências.
Estreou: Reforço mais aguardado do Campo Mourão, o ala norte-americano Jamail Jones, de 25 anos, estreou no NBB CAIXA com uma boa atuação. Com três bolas de 3 pontos em três tentativas (100% de aproveitamento), o jogador que atuou ao lado de Jimmy Butler e Jae Crowder na renomada universidade de Marquette (NCAA) totalizou 13 pontos e ainda pegou quatro rebotes, tudo isso em quase 30 minutos em quadra.
Alto nível: O Campo Mourão teve mais um grande desempenho e mostrou que vai incomodar muito time no NBB CAIXA. A exemplo do triunfo em Franca, a equipe deu um ‘sprint final’ no último quarto e por pouco não conseguiu a virada no fim. Um dos grandes motivadores da reação foi o ala/pivô César, que registrou oito de seus 14 pontos nos dez minutos finais.
E agora: Tanto Bauru quanto Campo Mourão entrarão em quadra somente na semana que vem. Na terça-feira (14/11), o time paranaense fará sua estreia em casa diante do Minas Tênis Clube, no Ginásio Belin Carolo, às 20h15. No dia seguinte, quarta-feira (15/11), o Dragão enfrentará o Banrisul/Caxias Basquete, no Ginásio Vasco da Gama, na serra gaúcha, às 18 horas.
FONTE: lnb.com.br

terça-feira, 7 de novembro de 2017

TÉC. EMERSON, COMANDA VITÓRIA SOBRE FRANCA


Uma das grandes surpresas do último NBB CAIXA, o Campo Mourão Basquete abriu sua caminhada na décima edição da competição com um resultado para lá de expressivo. Nesta segunda-feira (06/11), o representante do Estado do Paraná aplicou uma incrível virada para cima do Sesi Franca Basquete e saiu vencedor em pleno Ginásio Pedrocão, pelo placar de 77 a 73.
O NBB CAIXA é uma competição organizada pela Liga Nacional de Basquete (LNB), em parceria com a NBA, e conta com o patrocínio master da CAIXA, os patrocínios da SKY, INFRAERO, Avianca, Nike e Penalty e o apoio do Ministério do Esporte.
Valente: Os paranaenses ficaram atrás no placar durante praticamente toda a partida, com diferença sempre beirando os dez pontos. No entanto, depois de fechar o terceiro quarto com cinco pontos atrás (55 a 50), a equipe do técnico Emerson de Souza foi à luta e deu o bote certeiro no período final. A virada foi através de uma corrida de 11 a 3 nos primeiros três minutos de ação, o que reverteu completamente um cenário que foi adverso durante quase todo o duelo.
Final dramático: Após conseguir a virada, o time mourãoense viu o Franca recuperar vantagem pouco antes de entrar no minuto final (72 a 70). Porém, a reta final do duelo foi inteira dos parananeses. Com empate através do ex-francano César (72 a 72) e virada vinda das mãos de Hélio (74 a 72) a 37 segundos do fim, o Leão segurou a ponta do placar através dos lances livres certeiros de Mathias e César para sair do Pedrocão com a expressiva vitória na estreia (77 a 73).
Os caras: Para sair de quadra com o magistral triunfo em cima dos atuais vice-campeões paulistas logo na estreia, o Campo Mourão contou com atuação decisiva do experiente armador Hélio, de 36 anos, que fez dez pontos no último quarto e totalizou 19, além de quator assistências e dois roubos de bola. Seu companheiro de posição, o norte-americano Greg Brown, saiu do banco para ser o anotador máximo do time, com 20 pontos, e também dar quatro assistências.

Lei do ex? O time paranaense ainda contou com desempenhos gigantes de dois pivôs que já vestiram a camisa do Franca no NBB CAIXA: Thiago Mathias, jogador do time francano na temporada 2015/2016, que anotou 14 pontos (6/8 nas bolas de 2 pontos), 12 rebotes e três tocos para ser o atleta mais eficiente da equipe, com 27 de valorização, e César Fabretti, que defendeu a equipe da Capital do Basquete na temporada passada, autor de 12 pontos.
Vários desfalques: O Franca entrou em quadra com três desfalques de tamanha importância no elenco: o armador Alexey e o ala/pivô Rafael Mineiro, ambos se recuperando de lesões, e o ala/pivô Jefferson William, que está suspenso por quatro partidas pelo STJD por incidentes nas Finais do último NBB CAIXA quando defendia o Sendi/Bauru Basket. Pelo lado do Campo Mourão, a ausência ficou por conta do ala norte-americano Jamail Jones, reforço mais aguardado da equipe, ainda não regularizado, e o pivô Daniel Alemão.
Gruber neles: Pelo lado do Franca, o grande destaque ficou por conta do ala/pivô Luis Gruber. Com 23 pontos em ótimos aproveitamentos (2/3 nas bolas de 3 pontos e 8/11 nas bolas de 2) e mais cinco rebotes, o jogador ainda acrescentou mais duas assistências, dois roubos de bola e dois tocos à sua estatística para totalizar 29 de valorização e deixar a quadra como atleta mais eficiente da partida.
Lutou: Sem seu companheiro de posição Alexey, o armador Henrique Coelho “se virou” como pôde e lutou até o fim pelo resultado. Autor de quatro bolas de 3 em cinco tentativas (80% de aproveitamento), o camisa 10 francano totalizou 18 pontos e ainda deu cinco assistências, números que, somados a três rebotes e dois roubos de bola, lhe renderam 22 tentos de eficiência.

Teve a chance: Foram quase 25 minutos com a liderança do placar. O Franca Basquete teve a faca e o queijo na mão, mas seu desempenho foi abaixo do esperado nos dez minutos finais da partida, principalmente na defesa. Nos dois primeiros quartos, os donos da casa sofreram ao todo 30 pontos (17 no primeiro quarto e 13 no segundo). Só no período final, a equipe francana levou 27, o que dificultou, e muito, a manutenção da liderança no placar.
E agora: Depois do expressivo resultado em pleno Pedrocão, o Campo Mourão seguirá nas estradas do interior paulista até chegar a Lençóis (SP), onde enfrentará o atual campeão Sendi/Bauru Basket, na quarta-feira (08/11), às 20 horas. Já o Sesi Franca Basquete reencontrará o algoz Paulistano/Corpore na sexta-feira (10/11), novamente no Pedrocão, às 20h10, na primeira transmissão ao vivo via Twitter do NBB CAIXA.

FONTE: lnb.com.br

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

RIO PARDO FC PERDE PARA SANTA CRUZ E VAI DISPUTAR O BRONZE CONTRA PARAÍSO


A equipe sub 18 do Rio Pardo FC, predeu a semi final da Copa Difusão para e equipe de Santa Cruz das Palmeiras e irá disputar o terceiro lugar contra a cidade de São Sebastião do Paraíso. A final será entre Casa Branca e Santa  Cruz das Palmeiras, ainda sem data em virtudes do mês de novembro terem  muito compromisso com vestibular e enem.
A equipe do Rio Pardo FC começou bem o jogo chegando a assumir o placar no início, mais no segundo período a equipe de Santa Cruz passou a frente e foi até o final. Segundo o técnico Hebinho foi um jogo atípico, porém justo para a equipe Palmeirense que jogou melhor. Atuaram nessa partida: Rossi (5), Matheus Bocamino (5), Gabriel (17),  Igor (5), Leonardo (3), Octávio (4), Ruan (4), Vinicius (2), Tellison, Bruninho, Gustavo e Bruno Breda.  

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

RIO PARDO FC PARTICIPA DO FESTIVAL DE BASQUETE

 Sub 10 masculino. Em pé: Alan, Pedro, José Eduardo, Pablo e Rafaqel. Agachados: Rafael Herculano, João Guilherme, Artur, João Vitor e Marcos.

 sub 12 masculino Em pé: Cauã, Leonardo, vinícius, João, Lucas, Igor e Hebinho. Agachados: Vitor, Juan, Kaká, Leandro, Léo e Rian.

Sub 13 feminino em pé: Hebinho, Karen, Brenda, Maria Eduarda, Lívia, Marai Zanetti. Agachados: Duda, Eduarda, Raquel, Maria Melo e Maria Vitória.

As equipe sub 10 e 12 masculina e sub 13 feminina estiveram em ação no Festival de basquete promovido pela copa difusão de basquete. foram quatro jogos contra as equipes da AAR, Santa Cruz das Palmeiras e Casa Branca. Para o técnico Hebinho os quatro jogos atenderam nossa espectativas quanto a participação dos meninos e das meninas,  todos puderam jogar bastante apesar das derrotas, ninguém ficou sem jogar, acreditamos que com isso as crianças se identificam mais com o jogo pelo prazer de jogar, e não só em ganhar. Ao todo nossas escolinhas do Rio Pardo e do DEC estão com mais de 100 alunos entre meninos e meninas de 7 a 17 anos. As aulas de basquete acontecem no DEC, Escola Stella Maris e Rio Pardo FC com o professor Hebinho de Souza (contato 991556719).

RIO PARDO FC É BRONZE NA LIDARP


Em pé: Marquimho, Victor, Rafael, Leandro, Bruninho, Gustavo, Hebinho e Marcelo.
Agachados: Adiel, Luis Gustavo, Vincíos Varsone, Gabriel, Vinicius Santos e Luis Gustavo Araujo.

A equipe sub 15 conseguiu nesse sábado dia 21 de outubro o terceiro lugar no Campeonato Regional de Basquete promovido pela Lidarp (Liga Desportiva do Alto Rio Pardo). Após perder a semi final para Machado por 38 a 59, a equipe alvinegra voltou mais forte e derrotou a cidade de São Sebastião do Paraíso por 60 a 31. Na final a equipe de Machado sagrou-se campeão ao vencer a cidade de Varginha por 52 a 30. Com esse resultado a classificação final ficou assim:
Campeão: Machado 
Vice: Varginha
Terceiro: Rio Pardo FC
Quarto: São Sebastião do Paraiso
Quinto: Guaxupé
Sexto: Cabo Verde
Sétimo: Poços de Caldas
Oitavo: Pouso Alegre
A equipe do Rio Pardo FC teve ainda no atleta Bruno Sebastião o Bruninho o cestinha da competição com 148 pontos, média de 29,6 pontos por partida.
Marcelo e Bruninho cestinha da competição com 148 pontos.


domingo, 8 de outubro de 2017

RIO PARDO FC VENCE SANTA CRUZ DAS PALMEIRAS FORA DE CASA



As equipes sub 18 e sub 16 estiveram em ação no último dia 1o de outubro em Santa Cruz das Palmeiras e em Santa Rita do Passa Quatro para a disputa da última rodada da fase de classificação da COPA DIFUSÃO DE BASQUETE 2017.
Em Santa Cruz das Palmeiras, a equipe sub 18 do Rio Pardo FC fez um excelente jogo, e mesmo com  a alternância no placar, a equipe alvinegra conseguiu uma importante vitória por apenas 1 ponto, RPFC 51 a 50 Santa Cruz das Palmeiras. O jogo foi decidido apenas nos segundos finais pelo jogado do Rio Pardo Leonardo França que converteu um arremesso de dois pontos faltando 7 segundos para acabar a partida, dando assim a vitória para o Rio Pardo FC.
Após a vitória, a equipe sub 16 e sub 18, viajaram para Santa Rita do Passa Quatro para enfrentar  a equipe da casa nas duas categorias. O sub 16 precisava vencer para se classificar, mais não conseguiu a vitória, placar do jogo Rio Pardo FC  46 x 56 Santa Rita. No sub 18 o Rio Pardo FC venceu os donos da casa por 82 a 30, classificando em terceiro lugar no geral, e vai enfrentar a equipe de Santa Cruz das Palmeiras que ficou com a segunda colocação. Na outra semi final a equipe se Casa Branca primeira colocada joga contra São Sebastião do Paraíso.

Festival da COPA DIFUSÃO.
No próximo dia 22 as equipes sub 10 e sub 12 masculina e sub 12, sub 13 e sub 15 feminina, participam do sétimo festival a ser realizado na AAR em São José do Rio Pardo. Os jogos começam a partir das 8hs.

FINAIS DA COPA DIFUSÃO DE BASQUETE

As finais da COPA DIFUSÃO DE BASQUETE 2017, categorias sub 10 e sub 12 masculino e sub 12, sub 13  e sub 15 feminino, aconteceram ne...